30 abril 2008

Os Severinos, as Donas Maria e o 3º mandato


A patuléia quer o 3º mandato do Lula. As manchetes anunciaram em todos os noticíarios de ontem, o resultado de uma pesquisa CNT/Sensus.
Acredito que isso se deve ao crescimento econômico do cidadão, mas muito mais na despolitização desta mesma população.

Ocorre que os Severinos e as donas Marias não querem se dar o trabalho de pensar. Eleger alguém requer raciocíonio comparativo, busca de informações e projeções do candidato, mas para quê fazer isso se corre a boca miúda a extravagante performance de "bom estadista" do presidente Lula?

Sabemos que dias atrás Lula atingiu novos recordes de aprovação. Este é o trunfo de um líder que ao gerenciar sua nação se esbalda em cacoetes populistas e sempre que pode ressalta sua formação sindicalista sem percorrer os tortuosos caminhos da erudição. Toda vez que o presidente faz isso ele faz um elogio à burrice alcançando, por fim, as camadas mais pobres dos brasileiros. O povo vê em Lula sua consagração pessoal, reconhece nele o seu desejo de vitória.
É a personificação do "vencer na vida".

Daí que este brasileirinho trabalhador, os mesmos Severinos e Donas Maria que já citei, honestos e cambaios, não enxergam nos demais engomadinhos da república a continuidade deste projeto. A estes resta uma associação direta aos seus opressores, o patrão malandro que não lhe paga bem, lhe exige grande sacrifício e ainda goza de uma vida de vantagens sob seu suor sagrado.

À porcentagem abastada da população contrária a esta manobra política que se esboça na mídia, resta encontrar uma saída para a saúde política do Estado. Sugiro a substituição de escargot no alto do Fasano por churrascos nas altas lajes pelo Brasil afora.

A elite terá de se entregar às massas e lançar um candidato que soe mais humilde, menos arrogante. Terá de consentir que o nosso país tem vocação muito mais latina que européia, e que o buraco, portanto, fica aqui, mais embaixo.

Se faz necessário lutar pelos direitos de igualdade entre todos, a começar pela educação e mais adiante pela distribuição de renda. E falar de reforma educacional, honey, requer que essa elite analise o disaparate na qualidade que se tem atualmente entre uma escola privada e uma pública.

Vamos admitir em coro, que o povo está cada vez mais burro, e é preciso urgentemente encontrar uma saída, pois lá na escolinha da Maracutaia & Patifaria por que passam alguns de nossos políticos é lição decorada os termos que diz que povo burro é como gado, é rebanho fácil de conduzir.

Nas salas de aula do país as professorinhas terão de lecionar um pouco mais sobre democracia, regime republicano e regimes autocratas, para depois concluir que a alternância do poder é inegavelmente benéfico à sociedade brasileira em seu conjunto.

Zeca Bral sugere aos remediados de plantão um pouco mais de Marron Glacê no dia-a-dia.

3 comentários:

  1. alexandre chaves30/04/2008 15:59

    Fico feliz com o processo democr�tico. Ele d� um trabalho desgra�ado, mas n�o chegamos em nada melhor. O ser humano ( falando para o �mbito extra-social)n�o est� preparado para o exerc�cio da �tica absoluta,da autonomia, ambiente onde possa existir a verdadeira anarquia. Infelizmente ( ou felizmente), esta �tica absoluta ainda � para poucos. O melhor para milh�es de pessoas continua sendo, como dizia o falecido Carl�o(que Deus o tenha) a "ditadura da maioria". Sim, ditadura da maioria, que pode estar redondamente errada ( vide a ascens�o do Nazismo na Alemanha), mas � maioria defendendo seus interesses. Reitero, a democracia continua sendo um sistema razo�vel, sendo que podemos elevar o n�vel da discuss�o, e mudar o governante que nos desagrada, desde que esclarecidos suficientemente para tal decis�o, atrav�s da imuniza�o contra a m�dia "oficializada".
    Como disse o blogueiro, � preciso discutir.
    O fato � que talvez o foco da discuss�o esteja no lugar errado.
    N�o nego que Lula seja completamente infeliz em determinadas coloca�es. Entretanto, sabemos que est� ,por a� como diz Paulo Henrique Amorim, uma imprensa golpista que faz de tudo para desestabilizar n�o o governo, mas a imagem do presidente. � democracia? o sujeito n�o agrada? respondam nas urnas. Nada de "cansei". E tenho que dar o bra�o a torcer: com toda maracutaia, ainda, neste momento, sou mais PT do que PSDB, que escondem tudo direitinho. � uma verdadeira campanha para sujar a imagem do sujeito.
    O que mais me chama a aten�o � o modo como esta contra-propaganda � estabelecida. � t�o descarada que at� um macaco percebe. S� n�o culparam o Lula pelo caso Isabela porque ele n�o estava em S�o Paulo quando da ocasi�o.
    N�o concordo com terceiro mandato em hip�tese alguma. Ainda mais de gente que est� no poder h� mais de 40 anos, e ESTES SIM, para quem ningu�m olha, e que ningu�m comenta, e que no entanto s�o reeleitos elei�o ap�s elei�o, ran�o do regime militar, do oportunismo, do clientelismo e todos os ismos de que se beneficiam, ESTES SIM merecem um ataque de esclarecimento. Maluf, Qu�rcia, Jos� Sarney,a bancada ruralista do senado -que defende o trabalho escravo e os direitos dos bois e vacas - encabe�ado por K�tia Abreu(DEM-TO). Algu�m sabe o que anda fazendo o senador Bernardo Cabral(PFL-AM) ?
    O Lula pode n�o ser o supra-sumo da sabedoria acad�mica, mas dadas as circunst�ncias... ali�s, eu nem votei nele, nem o defendo feito um petista roxo qualquer.Mas, convenhamos, o pa�s n�o est� � beira da bancarrota, como nos anos FHC. Se tiv�ssemos um PSDB ou PFL, ou mesmo um DEM(�nios, cruz credo!)ou PMDB na presid�ncia, voc�s podem imaginar o quadro atual. Al�m do que, quem faz alarde do terceiro mandato � a pr�pria imprensa, que centra sua artilharia em subentendidos e manipula�es de supostos ind�cios de inten�o do Lula. "Perguntado pela reda�o se tentar� um terceiro mandato, o presidente pigarreou e engoliu." Particularmente, acho que, para o Lula, querer reeelei�o � dar um tiro no pr�prio p�. Coisa que n�o � por exemplo, para grande dos componentes das c�maras de vereadores, deputados e do senado Brasil afora.
    Minha m�e me conta que, na �poca dela, existia uma mat�ria na escola chamada O.S.P.B.(Ordem Social e Pol�tica do Brasil). Sou plenamente a favor da volta da O.S.P.B., e plenamente a favor de mais verbas para educa�o, que conta com 1,2% dos gastos em �mbito federal, enquanto existe uma denomina�o chamada "pequenos gastos" que come 15% da dota�o. Gastos com clips, papel higi�nico e cart�o corporativo.Isso para n�o falar da d�vida interna, que come outra orcentagem bem alta.
    Bem, � isso. N�o vai ter marron glac� enquanto n�o houver arroz com feij�o. De verdade. Em todo prato.

    ResponderExcluir
  2. Assino em baixo Zeca..ótimo comentário Alexandre.

    ResponderExcluir
  3. Abaixo ao 3o mandato! Que absurdo!!! E depois do 3o, ele vai querer o 4o??
    Se liga Classe C!!!

    ResponderExcluir